Ola meus amores,vamos para mais um review indicação no mês do orgulho e temos para vocês o filme “Water Boy” para mim foi uma experiência muito boa de assistir, serve como exemplo para a juventude que ainda está com sentimentos confusos, em relação a si mesmo e ensina como deixar outras pessoas entrarem em suas vidas e ajudar a seguir a diante. Porque descobertas se faz pouco a pouco, frustrações sempre se tem no decorrer da vida e apenas é necessário saber como administra-las. Então vamos falar um pouquinho desse drama.

Em uma escola de ensino médio dois jovens nadadores “NAN e MEUK”. Bonitos e cobiçados começam uma jornada de amizade e companheirismo juntos. Eles tem personalidades diferentes, mas ambos têm muita curiosidade por novas descobertas.  Na vida se pode encontrar, muitas dificuldades em relação a família e sexualidades, com esses jovens não foi diferente.

“NAN” vivem um drama pela sexualidade do pai e o seu envolvimento com uma pessoa mais jovem. Ele se tornou preconceituoso por não entender sua família e nem a si próprio, o que provoca grandes confusões em sua cabeça.

“MEUK” também tem problemas familiares e vai para a mesma escola que Nan para melhorar seu desempenho e conhecer coisas novas, e para nosso deleite fortes emoções acontecem. Nan e Meuk passam a morar no mesmo dormitório ambos no mesmo quarto. Nan é cheio de manias e como Meuk é seu inquilino logo foi colocando regrinhas para dar ar de superioridade. Meuk não parece ser um rapaz de muitas complicações, mas como todos tem seus segredos, com ele não é diferente.

Water Boyy tem um ótimo roteiro, por que? Porque mostra a convivência de muitos jovens de personalidades diferentes ressaltada somente em dois. Muitos são os problemas entre famílias amigos e amores e muitos casos são bem semelhantes. E como no coração não há um padrão para amar, muitas vezes não entendemos o que sentimentos.

Nan ficou sem mãe e tem um pai e um irmão pequeno, vivi brigando com seu pai porque não aceita o fato dele não ter problemas com sexualidade fez uma nova descoberta  se envolvendo com uma pessoas mais jovens e do mesmo sexo. Com a entrada de um novo amigo em sua vida tudo muda seu modo ver as coisas, seus sentimentos e seu modo de entender a vida. Sempre achou que podia viver em uma bolha, onde ninguém poderia tocar ou entender até Meuk tocar em seu ponto fraco. Com a convivência foram surgindo coisas novas novos desejos, novas descobertas e um princípio de aceitação mas, não foi fácil enfrentar.

Meuk tem problemas familiares diferentes de Nan, porém em relação a sentimentos ambos estão confusos e começam a descobrir juntos novos caminhos. Eles constroem uma relação de confiança e nesse meio termo o amor surge deixando eles ainda mais confusos. A princípio não sabem o que fazer deixam o medo se fortalecer, mas descobrem que para se destravar algumas portas da vida temos que colocar a mão na maçaneta e girar a chave.

Nan e Meuk eram héteros mas se apaixonaram, ai surge a pergunta, será que é porque o pai de Nan é Bissexual e isso influenciou? Será que é por ele não gostar do fato de seu pai ter uma sexualidade diferente? O fato não é por influência ou por castigo, é só que quando o coração encontra em outra pessoas a chave que destranca a própria porta ele não mede esforços para se abrir.

E é isso que acontece com esses dois garotos, eles enfrentam dificuldades para se abrirem para os sentimentos, mas o destino se encarrega de encaixar as peças que completa o quebra cabeça de cada vida. Bom pessoal espero que tenham gostado, agradecemos o carinho obrigada por nos seguir e até breve.