Home Matérias SM: Por que tão odiada pelos fãs de Kpop?

SM: Por que tão odiada pelos fãs de Kpop?

       Hello, meus caros kpoppers, como estão? Espero que bem, porque hoje começarei uma série de matérias sobre os motivos de certas empresas sempre entrarem para a listinha negra de cada novo kpopper.




     Quando conhecemos esse fantástico mundo colorido que é o kpop, ficamos tão impressionados que acabamos por ver seus pós e seus contras somente após um certo período de tempo. E, sejamos francos, as empresas de entretenimentos contam muito para toda a magia ir se dissipando aos poucos, porque é cada mancada que acabam por dar que, definitivamente, não deve caber num rosário! Então, sem mais delongas, nessa série de matérias irei listar para vocês, leitores amadíssimos, alguns motivos pelos quais empresas como SM, YG, JYP, CUBE, TS, Stardom, Starship e PLEDIS estão na lista negra de inúmeros kpoppers há anos.

        E a vítima do dia será ela, a mais odiada de todas, a própria: 

 

SM Entertainment

        A SM nada mais é que uma empresa de entretenimento sul-coreana, uma das mais famosas e poderosas, que faz parte do trio master desse meio: BIG3 (do que adianta ser a bam bam bam se só faz merda? Parece até a segunda temporada de what the duck!). Ficou conhecida graças aos bons desempenhos de grupos lendários da primeira geração, como: H.O.T, S.E.S, Fly To The Sky e Shinhwa. Logo vieram a segunda e terceira geração fazendo crescer sua popularidade como uma grande empresa, aumentando cada vez mais. Desde que a SM fora fundada, já debutou artistas de sucesso como: TVXQ, Super Junior, Girls Generation, SHINee, F(X), EXO, Red Velvet, NCT e a solista BoA.

 

Motivos pelos quais os fãs de kpop costumam odiar a SM:

 

  • O trabalho excessivo: 

       A empresa é conhecida por nunca parar, sempre que pode está lá promovendo seus artistas, enviando-os em programas de variedades, sendo mcs por um dia, atuando em doramas, modelando, sendo o rosto para uma marca importante ou gravando realitys próprios como: Travel the World on EXO’s Ladder. O problema não é querer divulgar e aproveitar ao máximo de seus artistas, e sim deixá-los tão esgotados a ponto de passarem mal pelos cantos ou aparecerem com machucados relevantes, semblantes exaustos e corpos cansados.

Krystal desmaiando no meio de uma apresentação do F(X).

       No início do ano, os membros do grupo rotativo NCT, preocuparam seus fãs quando apareceram com machucados em seus corpos e exaustão mais do que nítida. O grupo debutou em meados de 2016 com a subunidade NCT U e, desde então, seguem trabalhando como se o amanhã não existisse. Atualmente, já estão no mercado musical com quatro subunidades oficiais, sendo elas: NCT U (Abril de 2016), NCT 127 (Julho de 2016), NCT Dream (Agosto de 2016) e WayV (Janeiro de 2019). Tem membros que participam de quase todas as subunidades atuais, o que ao meu ver só os sobrecarregam ainda mais.

 

Um pouco do relato de uma NCTZen em seu Twitter (chittaprrx):

1. no início do ano, o Donghyuck fraturou (QUEBROU) um osso da perna e isso foi o único descanso que ele teve entre dezembro de 2018 e o começo de 2019 ele voltou à promover em turnê (sentadinho e sem fazer esforço) um tempo depois e participou do comeback japonês do nct 127

2. o 127 não teve pausas desde janeiro e já estamos no SEXTO MÊS de 2019. Teve: turnê mundial 2 comebacks (um japonês e outro coreano) os meninos vem voltando e indo pra Coréia sem pausas, imagina o quão ruim e cansativo isso é pra eles?

3. as costas do ty: taeyong vem reclamando de dor nas costas, e é simplesmente assustador saber que ele tá precisando usar um >colar cervical< por conta da dor também dizem que os ossos deles estão fragilizados, e isso pode causar uma fratura futuramente ou algo mais sério.

 

       Também podemos citar o relato de Luhan, ex membro do EXO, que chegou a confessar que a empresa organizava as agendas de seus artistas sem nem ao menos consultá-los. Teve uma época em que ele estava atuando em um filme e tinha que ir e vir da China à Coreia o tempo todo, isso acabou lhe gerando alguns problemas de saúde, como o stress. Quando pediu folga, a empresa apenas disse que sua agenda já estava organizada e pediu que ele simplesmente cumprisse os compromissos. 

Luhan em Wolf do EXO

     Kris, o primeiro membro a deixar o EXO, contou que o grupo trabalhava sem humanidade alguma, o que o levou a abandonar a empresa em 2014, abrindo um processo contra ela. Já com Tao, o último a deixar o EXO, seu pai lhe pediu que saísse da empresa, pois ela o fazia trabalhar demais.

Kris no mv de MAMA do EXO

Tao no mv de Call me baby do EXO

 

 

  • Dar mais valor para um do que para todos:

 

       Isso de dar mais valor para determinado membro dentro de um grupo até já causou problemas para esses pobre idols. Os exemplos vivos disso são os membros do NCT: Mark e Taeyong. Se você for analisar os mvs de cada subunidade das quais eles fazem parte, perceberão o quanto ambos são valorizados, sempre aparecendo mais do que os demais ou ficando com as partes “mais importantes” das músicas, para que nos stages os dois possam se destacar. Por conta disso, do favoritismo, não que os garotos tenham culpa disso, mas algumas pessoas do fandom começaram a nutrir uma certa raiva deles, sendo que a grande culpada nisso tudo é a própria empresa e não os idols. No entanto as inúmeras reclamações e insatisfações dos fãs do grupo, a SM começou a valorizar outros membros também, para que assim o público pudesse ficar um pouco mais satisfeito (Vamos ver até quando isso irá durar, sabemos que não se pode confiar na SM).

Taeyong e Mark no mv de Boss do NCT U

Taeyong como center no mv de Cherry bomb do NCT 127 

Mark teve a maior linha no mv de Cherry bomb, sendo seguido por Taeyong

 

  • O descaso com estrangeiros:

 

       Todos nós sabemos quanto os idols estrangeiros são discriminados na Coreia do Sul, principalmente se eles forem do Japão ou da China. No passado, o Japão fez algo que ficou conhecido como “Ocupação japonesa” nas terras sul coreanas, essa que teve seu início em 1910 e só vindo a terminar após o fim da Segunda Guerra. Mais de cem mil sul coreanos foram obrigados a servir o exército japonês e muitas das mulheres da época acabaram sendo rendidas como escravas para satisfazerem os sórdidos prazeres sexuais do soldados japoneses. Por conta disso, nos dias de hoje, por mais que muitos anos já tenham se passado, o povo sul coreano prefere manter distância dos japoneses, mesmo que eles não tenham culpa por algo que seus ancestrais fizeram. Recentemente, Mina, uma das membros japonesas do grupo Twice (JYP), fora alvo de haters que pediram a sua retirada do grupo quando a empresa anunciou que por conta de certo problema que ela está passando, teria que se afastar para receber o devido tratamento. (São nessas horas que eu agradeço por não ter nascido na Coreia do Sul!).

       Já a China é por motivos óbvios, ser um dos poucos países aliados da tão temida e imprevisível Coreia do Norte. Muitos custam em acreditar nos estrangeiros, quiçá, aceitá-los completamente. Algo que costuma acontecer em boa parte das empresas é o fato de trainees e/ou idols estrangeiros serem totalmente desvalorizados, se eles são trainees, sempre terão outros trainees alí para fazerem da sua estadia na empresa um verdadeiro inferno, facilmente será alvo de bullying. Quando já estão debutados, muito provavelmente, serão os que menos promoverão, os que terão as menores linhas e/ou os que ganharão menos que os demais colegas de grupo, somente por serem estrangeiros. 

 

 

Luhan, Kris e Tao, respectivamente!

       Na SM temos o caso mais famoso com os chineses Luhan e Tao, e também com Kris que é sino-canadense, todos ex-membros do grupo popularmente conhecido como “EXO”, antes sendo dividido em duas subunidades “EXO-K” e “EXO-M.” Luhan alegou, em seu processo contra a empresa, que ela não o proporcionava planos de desenvolvimento para sua carreira e os recursos que lhes davam também eram poucos. Além de trabalharem feito escravos, não recebiam maiores atenções, logo viram que não valeria a pena continuar em um lugar como aquele.

 

  • Caso Jessica Jung:

       Jessica debutou em 2007 como membro do grupo feminino Girls’ Generation, tornando-se um enorme sucesso, sendo até considerado o grupo da nação. Tudo parecia estar indo muito bem na vida da cantora quando, do nada, recebeu a notícia de que teria que deixar seu grupo, esse que ela tanto amava e que não pretendia deixar nunca. O problema se deu pelo fato de Jung abrir sua própria marca “BLANC”, a qual sempre tivera o sonho de criar. Mesmo após uma longa conversa com a empresa e tendo permissão tanto da SM quanto dos membros de seu grupo, quando a marca foi inaugurada, as coisas mudaram da água para o vinho. Ninguém sabe ao certo qual foi o real motivo da saída de Jessica do Girls Generation, mas pelo que a cantora mesmo escreveu desabafando em suas redes sociais na época, podemos ter uma certa noção:

“Olá, aqui é a Jessica. 

 No dia 29 de setembro recebi uma notificação sobre a minha saída do Girls’ Generation, e não pude esconder minha surpresa e o quão meu coração ficou chateado sobre isso, então estou aqui para revelar minha posição. 

 Eu sempre coloquei minhas atividades com o Girls’ Generation na frente da minha vida pessoal e profissional. No entanto, apesar de meus esforços para com a equipe, me pediram para deixar o grupo.  

Enquanto estava planejando meu negócio, que eu tinha muito interesse há algum tempo, consultei a SM assim como as outras integrantes sobre meu planejamento pedindo sua compreensão.  

Até o começo de agosto, quando lancei minha marca ‘BLANC’, recebi permissão e acordo da SM, e também felicitações das integrantes.  Porém, no começo de setembro, após um mês do lançamento da marca, as integrantes mudaram de posição e realizaram uma reunião, me comunicando que ou deveria desistir do meu negócio ou sair do Girls’ Generation sem qualquer motivo justificável.  Expliquei que já tinha recebido permissão da agência, que eu nunca havia negligenciado as atividades do Girls’ Generation e que eu não podia suspender o negócio devido o contrato com meu sócio após um mês. 

 Em última análise, eu implorei que era injusto para mim ter que fazer uma escolha. Tornar-se integrante do Girls’ Generation foi a melhor coisa da minha vida e eu nunca havia pensado em desistir.  Chocada com isso, voltei a me encontrar com o CEO da agência no dia 16 de Setembro para transmitir minha posição, e novamente me confirmaram sua permissão para que eu realizasse o negócio. No entanto, em 29 de setembro, recebi uma notificação para deixar o Girls’ Generation. Devido a isso, eu também não poderia comparecer ao encontro de fãs na China no dia 30, e também fui excluída das próximas atividades do Girls’ Generation.  Eu fiquei em sofrimento e não consegui esconder minha tristeza por ser notificada pela agência e por minhas companheiras de grupo, com quem passei 15 anos dedicando toda a minha paixão e esforço, a sair do Girls’ Generation.

 

Relato no Weibo

“Eu estava animada sobre o nosso evento de fãs, mas fui informada pela minha empresa e por mais 8 outras pessoas que a partir de hoje, eu não sou mais uma integrante. Eu estou arrasada – minha prioridade e amor é servir como uma integrante do GG, mas sem nenhum motivo, estou sendo forçada a sair…”

Jessica no mv de The Boys do Girls Generation

       Fãs do grupo acreditam que a culpa é toda e unicamente da empresa, fazendo Jessica escolher entre seus negócios ou o grupo, já que a SM estava querendo boa parte dos lucros da marca “BLANC”, sendo que a Jessica havia investido bastante dinheiro nela, sem a ajuda da SM em momento algum. Acreditam também que a empresa obrigou Taeyeon a expulsar a própria colega de grupo, se tornando assim, o maior alvo de hate.

       Na minha opinião como SONE, devo confessar que me dá um pouco de tristeza ver as meninas se comportando como se só tivesse existido oito membros no SNSD. Mas, existem várias razões para elas agirem de tal maneira, então não podemos julgá-las, já que a empresa pode muito bem ter obrigado as garotas a se afastarem da Jessica após o fim de seu contrato em meados de 2015. O último trabalho do ot9  juntos foi com a música “divine” do álbum “The Best.”

      Só deixando mais claro sobre o fato da empresa afastar as meninas uma das outras, recentemente um membro do WayV estava previsto para representar a empresa em um evento importante na China, mas fora simplesmente retirado dele pelo fato de dois ex-membros do EXO também estarem presentes no dia. A empresa quer evitar que ambos interajam entre si, por esse motivo acredito que o mesmo aconteça entre SNSD e Jessica.

       Mas ai você vai falar: “Ah, Liny, mas as membros que saíram recentemente do grupo continuam se comunicando com as meninas do SNSD.” Certo, continuam sendo próximas porque ambas saíram da empresa sem maiores problemas, diferentemente do que aconteceu com Jessica, JYJ, Luhan, Tao e Kris. Jessica não podia deixar seus negócios ou teria um grande prejuízo, já os demais deixaram a SM e ainda a processaram. Não sei se vocês já perceberam, mas Jessica e JYJ não fazem comeback stages em programas de música, isso se deve ao poder que a SM tem sob as mídias em geral, fazendo com que eles sejam impedidos de se apresentarem como sempre fizeram quando ainda faziam parte da empresa. É injusto e bastante mesquinho, mas essa é a verdade.

 

       Bem, esses foram apenas alguns dos motivos pelos quais muitos odeiam a SM. Repito, odeiam a SM e não seus artistas, okay? Até porque eles não são culpados das merdas que a empresa comete! Vejo vocês na próxima matéria dessa serie (espero que a YG esteja preparada para o meu desabafo na próxima matéria), beijo de luz, meu amores!! 

Post por: Liny a doida!

Revisão por: Kawê

Avatar
Liny
4D, bllover, kpopper e dorameira nas horas vagas! 97Line 🙂
Avatar
Liny
4D, bllover, kpopper e dorameira nas horas vagas! 97Line 🙂
3,377FansLike
2,913FollowersFollow
6,011FollowersFollow
1,800SubscribersSubscribe

Mais Lidos

Uma breve síntese sobre a entrevista com um brasileiro residente na...

Olá, pessoal, tudo bem? Hoje, a matéria será um pouco mais curta, pois o foco na verdade, não é este texto, mas sim, o...

“Eu levanto essa bandeira”

ANITTA TAILANDESA!!!

%d blogueiros gostam disto: