• 14/05/2021

Conheça Onnas-Bugueisha, as mulheres samurai

Olá meus bombons de licor, tudo bem com vocês?

Dando continuidade aos conteúdos sobre o mês da mulher, hoje nós vamos conhecer a história de mulheres que, em um tempo majoritariamente liderado por homens, assumiram a segurança de suas casas e famílias. Entenda quem eram as Onnas-Bugueishas!

Mesmo não conhecendo muito a cultura japonesa, creio que seja de sabedoria da maior parte das pessoas que os grandes guerreiros do país são chamados de “Samurais”. Mas, o que não temos muitos registros na história é que existiam sim mulheres que faziam parte desta renomada classe de guerreiros.

Denominadas Onna-Bugeisha, como dito anteriormente, elas raramente aparecem em textos antigos, as histórias davam, e continuam a dar, ênfase aos guerreiros do sexo masculino. No entanto, essas mulheres treinavam o manuseio de espadas, cuidavam e protegiam as terras enquanto os homens estavam ausentes.

Entre os séculos 8 e 14, as guerreiras também ajudaram a colonizar novos territórios e participavam de lutas diretas para conquista de terras. É interessante comentar que, mesmo sendo ferozes guerreiras, elas vestiam sempre quimonos luxuosos e coloridos de seda fina, estavam sempre maquiadas e com os cabelos devidamente penteados. Mesmo assumindo um papel que historicamente era designado para homens, ao assumi-los elas não deixavam de lado sua feminilidade. Elas não eram mal vistas por buscarem ser guerreiras, muito pelo contrário, eram mulheres extremamente respeitadas em seus territórios.

— SAMURAIS QUE GANHARAM MAIOR NOTORIEDADE NO PAÍS, CONHEÇA “Tomoe Gozen”

Grande parte do que se sabe sobre Gozen vem dos relatos presentes na crônica Heike monogatari (O Conto dos Heike, que narra a guerra de Genpei).

De acordo com relatos da obra, Gozen era uma combatente excepcional, excelente arqueira e domava cavalos selvagens sem nenhuma dificuldade. Suas habilidades ganharam ênfase durante a batalha de Yokotogawara, conflito no qual matou sete samurais. Em outros combates liderou exércitos bem-sucedidos. Foram tantas façanhas que Tomoe se tornou um dos símbolos das guerreiras do país.

Mídia

Bom meus bombons de licor, por hoje é só… Esse foi nosso momento curiosidade histórica. Espero que vocês tenham gostado, beijos e até a próxima!

0 Reviews

Write a Review

lay

lay

0 Reviews

Write a Review

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x